quarta-feira, 15 de abril de 2009

Campeã: a primeira a gente nunca esquece

Se tivesse vencido três das cinco finais que perdeu nestes últimos dois anos, Silvana já poderia ter conquistado um título mundial. Por Rosaldo Cavalcanti

Domingo passado a cearense Silvana Lima, 24 anos, derrotou a australiana Stephanie Gilmore, 21 anos, e conquistou o título da segunda etapa do ASP Women’s World Tour 2009. A final foi disputada nas direitas de Bell’s Beach, na Austrália.

Depois de perder todas as cinco finais que disputou durante a sua carreira, a vitória em Bell’s foi a primeira da brasileira na primeira divisão. Com os pontos que somou na perna australiana, Silvana assumiu a vice-liderança no ranking mundial da primeira divisão feminina. A atual líder é a australiana Stephanie Gilmore, bi-campeã mundial (2007-2008) e vencedora da primeira etapa desta temporada.

A vitória em Bell’s colocou Silvana em condições de disputar o título mundial este ano. Mas para chegar ao final desta temporada em condições de lutar pelo titulo da primeira divisão feminina, a cearense terá que vencer outras finais em 2009.

Seu talento e sua capacidade de chegar a mais finais este ano são indiscutíveis, mas o fato é que nas últimas duas temporadas a cearense perdeu cinco seguidas.

Se tivesse vencido três das cinco finais que perdeu nestes últimos dois anos, Silvana já poderia ter conquistado um título mundial.

A vitória em Bell’s serviu pra quebrar o gelo, dar mais confiança para Silvana e pode marcar uma virada na sua carreira. Principalmente porque suas derrotas em finais têm mais a ver com o aspecto psicológico e emocional do que o técnico.

A real é que atualmente as chances de um surfista brasileiro conquistar um título mundial da primeira divisão são muito maiores na categoria feminina.

Entre os homens, Adriano de Souza, o “Mineirinho”, é o que tem chances. Mas é improvável que ele consiga conquistar o título mundial da primeira divisão nesta temporada. Quem sabe daqui a um...dois anos?

Para Silvana a tarefa deve ser mais fácil. Suas chances de conquistar um título histórico – jamais um surfista brasileiro foi campeão mundial da primeira divisão – são reais este ano.

Sua maior adversária deve ser mesmo Stephanie Gilmore. Com apenas 21 anos de idade, três anos mais jovem que a brasileira, a australiana já provou que sabe vencer finais e, mesmo sendo uma das surfistas mais jovens do circuito, não costuma se intimidar quando enfrenta suas principais adversárias.

Confiante no seu surf e liderando o ranking depois de disputar as finais das duas primeiras provas desta temporada, Steph é a favorita para vencer seu terceiro título mundial este ano.

Oxála a vitória em Bell’s seja o início da arrancada de Silvana em direção ao título mundial de 2009.

A próxima etapa da primeira divisão feminina será disputada no Rio de Janeiro, cidade onde Silvana Lima reside, e será extremamente importante na disputa pela liderança do ranking mundial.

Ranking ASP Women’s Tour 2009 – 2 etapas:
01: Stephanie Gilmore (AUS) – 2.172 pontos
02: Silvana Lima (BRA) – 1.560
03: Sofia Mulanovich (PER) – 1.308
03: Paige Hareb (NZL) – 1.308
05: Melanie Bartels (HAV) – 1.152
06: Sally Fitzgibbons (AUS) – 1.116
06: Coco Ho (HAV) – 1.116
08: Rebecca Woods (AUS) – 1.104
09: Samantha Cornish (AUS) – 912
09: Jacqueline Silva (BRA) – 912
09: Chelsea Hedges (AUS) – 912
09: Bruna Schmitz (BRA) – 912
13: Amee Donohoe (AUS) – 720
13: Rosanne Hodge (AFR) – 720
13: Alana Blanchard (HAV) – 720
16: Layne Beachley (AUS) – 360
16: Jessi Miley-Dyer (AUS) – 360

Texto: Rosaldo Cavalcanti

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Template by - Abdul Munir | Daya Earth Blogger Template | Política de Privacidade