quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Mande suas fotos para o Rio Surf Pro 2008

O Edson Soares que é autor do Blog do Flickr me pediu para divulgar um grupo de fotos de surfe criado para coletar imagens que serão usadas em mini-video a ser exibido durante o Rio Surf Pro 2008, no Arpoador.

Quer participar, mandando fotos para ele e correndo o risco de ter suas fotos exibidas durante o Rio Surf Pro 2008, então leia o texto abaixo e veja como você pode participar.

fergal tries to kill me

waterlady Outch

Life is a sea and we are all surfers...

Você não precisa pegar onda para participar do Rio Surf Pro International 2008, primeira etapa brasileira da divisão de acesso do campeonato mundial de surfe, que acontece no Rio de Janeiro entre os dias 6 e 12 de Outubro. Fomos convidados para contribuir com a programação do telão gigantesco que será montado na praia do Arpoador durante o evento e resolvemos produzir um slideshow com imagens da comunidade.

As fotos serão selecionadas a partir da galeria do grupo recém criado Flickr Surf Brasil. Se você possui alguma foto ligada ao tema surfe e gostaria de exibí-la na super tela de … cof!cof!… 20,2 metros de largura, entre já para o grupo e adicione sua imagem.

Antes de aderir é preciso ler e aceitar as regras do grupo. Observe a resolução mínima de 1500 x 2100 pixels exigida. Não deixe para última hora! Somente imagens adicionadas até o dia 4 de Outubro participam da seleção. E claro, não esqueceremos de creditar os fotógrafos que contribuírem.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Tubarão faz "degustação" e descarta surfista no Havaí

Um surfista que pôs seus dedos dentro da boca de um tubarão para se livrar de um ataque diz que se salvou porque o peixe não apreciou o gosto de sua perna.

Todd Murashige, 40, falou com repórteres ontem (11) no The Queen's Medical Center, dois dias após ter sofrido o ataque em Oahu (Havaí).

Murashige afirmou que estava sentado em sua prancha descansando e não viu quando o animal se aproximou para morder sua coxa direita.

"Foi muito surreal. Só vi a cabeça de um tubarão ali", disse o surfista. "Coloquei meus dedos dentro da boca dele para tentar me desvencilhar, mas não senti nenhum dente. Pensei que estava pegando na gengiva ou no 'lábio'."

Murashige afirmou que o bicho não insistiu no ataque. Para ele, foi apenas uma "degustação", porque o tubarão não o perseguiu, mordeu ou chacoalhou. "Acho que o gosto não era bom."

Após escapar do animal, o surfista voltou à praia com sua prancha, que foi mordida. O serviço de emergência foi chamado e ele foi levado a um hospital com graves ferimentos na perna.

Pelas características descritas por Murashige, suspeita-se que o animal era da espécie tubarão-tigre.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Heitor pára nas quartas, e deixa Trestles com seu melhor resultado no WCT

Heitor Alves deixou a Praia de Trestles, na Califórnia, após perder por uma grande diferença para o australiano Taj Burrow. Mas o cearense não tem motivo para ficar cabisbaixo após a sétima etapa do Circuito Mundial (WCT). Além de ter sido seu melhor resultado na temporada, ele foi o melhor brasileiro na competição.

Nesta quinta-feira, mais cedo, Heitor tinha derrotado o australiano Jay Thompson numa bateria acirrada. Somou 11,14 pontos, contra 11,00 do rival. Teve pouco tempo para descansar antes do confronto seguinte.

Contra Taj, foram poucas chances. Heitor não tinha nenhuma nota acima de 2,00 pontos até a metade da bateria, quando o australiano pegou um 8,83 e o deixou em combinação, ou seja, precisando de mais de uma nota 10 para virar. A 10 minutos do fim, Taj pegou a melhor onda do dia até o momento. Ganhou 9,67, e aumentou ainda mais a vantagem. Heitor, que precisa de um 14,61, passou a buscar uma soma de 18.51.

O cearense deixa a etapa na quinta colocação. O segundo melhor brasileiro foi o paulista Adriano de Souza, o Mineirinho, que derrotou o gaúcho Rodrigo Dornelles, o Pedra, na terceira fase. Com dores nas costas, o catarinense Neco Padaratz abandonou a competição. Nem chegou a disputar repescagem, fase em que o paranaense Jihad Kohdr foi eliminado.

Fonte globo esporte

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Perto do hepta, Tâmega garante: 'Sempre fui e sou um atleta completo'

Vencedor da etapa portuguesa do Circuito Mundial, em Sintra, Guilherme Tâmega está aliviado. Maior nome do bodyboard mundial, o brasileiro viu suas chances de ser heptacampeão do mundo diminuírem após perder a etapa de Sopelana, na Espanha. Para Tâmega, a vitória devolveu a possibilidade de mais um título.

- Depois de escorregada grande no campeonato de Sopelana na Espanha, no fim de semana anterior, eu vim para Portugal na corda bamba. Ou eu caia dentro e vencia ou o meu sonho de ser heptacampeão mundial iria por água abaixo. Estava muito concentrado, tive uma ajuda enorme da minha esposa Danielle que está aqui comigo e deu tudo certo graças a Deus. Minha prancha estava boa, minha cabeça ótima e com tudo isso em cima vi que não tinha como não dar certo - diz, através de sua assessoria de imprensa.





Vencedor nas maiores ondas no circuito, no Chile, e nas menores, em Portugal, Tâmega diz que não precisa fazer muito esforço para se preparar para cada etapa.



- Não tem ajuste, eu sempre fui e sou um atleta completo. Já ganhei em Pipeline com 5 metros como também no Japão com ondas de 20 cm. O equipamento tem que ser ajustado para cada situação, mas quem faz a diferença é o atleta em cima da prancha.

Tâmega garante que nunca esteve tão focado com está agora.

- Como eu me foco, não posso dizer, mas que estou focado, estou. Faz muito tempo que não me sentia assim. Para falar a verdade, estou num tipo de lei do silêncio: falo pouco e faço mais. De agora em diante, é a atitude dentro da água que vai fazer toda a diferença.

Ele vai disputar a partir de quinta-feira a 8ª etapa do circuito mundial na praia de Domiños em Ferrol, Espanha. A etapa vai distribuir $20 mil dólares e 1500 pontos no ranking mundial.

Fonte

Ocorreu um erro neste gadget
Template by - Abdul Munir | Daya Earth Blogger Template | Política de Privacidade