sexta-feira, 4 de julho de 2008

Nove brasileiros entre os 48 melhores em Durban

Apesar da eliminação do carioca Raoni Monteiro, nove brasileiros seguem na briga pelo título, entre eles Jihad Kohdr (foto) - campeão do último WQS de Durban

O carioca Raoni Monteiro já não briga mais pela liderança do WQS na África do Sul. Ele acabou eliminado no último confronto da quinta-feira, vencido pela grande surpresa do dia, o jovem paulista Wiggolly Dantas, que ainda derrotou dois tops do WCT, o francês Mikael Picon e o australiano Tom Whitaker. O paranaense Jihad Kohdr também se classificou e continua defendendo o título de campeão do WQS de Durban.

Além de Jihad e Wiggolly, mais sete brasileiros também avançaram para a rodada dos 48 melhores surfistas do campeonato, a última de baterias formadas por quatro competidores. Já o feminino folgou na quinta-feira e três brasileiras estão entre as doze surfistas que vão disputar classificação para as quartas-de-final, a cearense Silvana Lima, a catarinense Jacqueline Silva e a paranaense Bruna Schmitz.

Participação tripla - Uma dobradinha verde-amarela abriu a quinta-feira reservada para as vinte baterias restantes da fase de estréia dos cabeças-de-chave do WQS de Durban. Eram três brasileiros disputando duas vagas e passaram o carioca Pedro Henrique em primeiro e o gaúcho Rodrigo Dornelles em segundo lugar, com o paulista Robson Santos terminando em último, atrás ainda do havaiano Roy Powers.

Na outra bateria com participação tripla do Brasil, foram três cearenses contra o sul-africano Damien Fahrenfort, eliminado junto com o mais jovem deles, Charlie Brown, por Pablo Paulino e André Silva. Já as outras três chances de dobradinhas vencedoras acabaram frustradas. Uma porque o paulista Adriano de Souza não compareceu para competir e o carioca Simão Romão derrotou sozinho os outros dois adversários.

Na disputa anterior, o paulista Odirlei Coutinho ganhou a briga pela segunda vaga do pernambucano Bernardo Pigmeu no confronto Brasil x África do Sul vencido pelo experiente Greg Emslie. E na última bateria, Wiggolly Dantas pegou as melhores ondas para derrotar os tops do WCT Mikael Picon e Tom Whitaker, com Raoni Monteiro ficando em último.

Mas, o carioca ainda aparece em terceiro lugar no ranking do WQS atualizado com os resultados da quinta-feira nas boas ondas de 1 metro de altura do New Píer de North Beach. Na classificação provisória, três novos surfistas ingressaram no grupo dos 15 primeiros do ranking que têm vaga garantida no WCT do ano que vem, o paranaense Jihad Kohdr e os australianos Adam Robertson e Adam Melling. Eles entraram nas vagas do americano Brett Simpson, do australiano Shaun Cansdell e do carioca Pedro Henrique, mas os três estão no round 48 em Durban e ainda tentam recuperar seus lugares na África do Sul.

Fonte

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Template by - Abdul Munir | Daya Earth Blogger Template | Política de Privacidade